Funny the way it is

por Sara Morgado em domingo, 14 de março de 2010

Semestre novo, novo álbum, ou já com quase alguns meses.
Há bandas que, depois de todas as provas dadas, de tantos álbuns lançados e de mostrarem como os concertos se podem tornar em verdadeiras festas de todas as cores, atingem um patamar de mestria.
Já faziam música e eu nem era nascida, sem nunca terem o som de uma determinada época. Como se existisse a moda e depois existisse isto que, por estar de fora dela, nunca fica ultrapassado.
E então sabemos que um novo álbum raramente desiludirá. E não desilude.
Mas fica aqui um bichinho como quem não esperava uma bizarria destas: